Arquivo do mês: novembro 2006

Meu anjo ideal

Maurício de Souza tem bastante culpa sobre nossa idéia feita e acabada sobre como seriam os anjos: loirinhos, cabelos cacheados e grandes olhos azuis. Não só ele, claro, mas também os livros, revistas, filmes, contos de fada, Walt Disney, e … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | 2 Comentários

20 minutos de felicidade/dia

Claro que não são só esses os momentos de felicidade na vida desse meu amigo querido, embora ele tenha soltado essa hoje enquanto caminhávamos sob as copas de lindas árvores, cenário raro nessa nossa cidade pavimentada, um calor gostoso, bom … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | 3 Comentários

Coisas que cutucam o coração

Ele tinha um autêntico nome de palhaço. Nada do tipo sofisticado como Cisar Park, Tábata ou Madmoiselle Blanche. Era simplesmente Cutuca. Quando cheguei naquela festinha de Dia das Crianças, para crianças maisqueespeciais, e me deparei com um palhaço profissional, desses … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | 1 Comentário

Por vários fios

Toda hora a vida tenta me ensinar uma coisa sobre a vida a dois. Quer dizer, ela tenta me ensinar a mesma coisa. Que a base de uma vida feliz a dois é sustentada por vários pilares, não só pelo … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | 3 Comentários

Desbarbarizou

Ele usava barba quando nenhum jovem da idade dele. Ele arriscava a Hering branca quando os mocinhos variavam a cor da pólo. E talvez ele até não fizesse questão do banho diário… Enquanto os outros usavam gel no topete e … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | 2 Comentários

Ela casou!

Rindo!! Rindo…rindo à toa! Ela casou! Ver as fotos, que obviamente não eram convencionais, me jogou num acesso de riso gostoso, com gosto de choro, regado de lágrimas dos olhos de alegria! E o vestido era lindo, diferente, como ela, … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | 5 Comentários

Deixei José lá

Eu não nasci lá, mas por lá cresci esporadicamente. Nas férias. Lá passava poucos dias por ano querendo voltar para São Paulo. Terra cujas maravilhas e saudades só fui descobrir agora, par de anos atrás. Havia uma saudade que ficava, tão … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | 4 Comentários