Nordeste

Meu primeiro passo em território baiano foi em 2004. Saí do Mato Grosso e, numa cruzada, saltei de um ônibus empoeirado numa cidadezinha sem nada, só algumas casas e comércios jogados nas ruas sem pensar. Às vezes eu me lembro o nome dela, outros (como hoje) nem pensar. Só sei que de lá fui parar numa outra localidade baiana. Aí sim andei serelepe nos paralelepípedos bonitos que cobrem Lençóis. Uma semana depois estava apaixonada, pelos baianos e pela Bahia. Resolvi não ter cautela, pedi pedi pedi pedi pedi e, hoje, trago um baiano rendado no fundo do meio do meu coração.

Vá estrada riba pro Norte
E leve forte
Grito-pedido de cura
Do meu sofrer

Cá comigo tem fundo corte
É quase morte
A dor de lembrar
Do meu bem querer

Vá estrada
Encurta a distância
Sem curva
D’aqui até lá

Pois aqui meu peito
Sem culpa
Tanto labuta
Sem nada a ganhar

Véu de nuvem branca esperta
Te peço concreta
Esse meu sonhar

Pois aqui não tem hora certa
É porta aberta
Pra ele chegar

Pati: NO CAUTELA, YES FELICIDADE!

 

Anúncios

Sobre ruivaah

Apaixonada por livros, fotos, viagens, montanhas, bicicleta, riachos, familia, amigos e animais! Apaixonada pelo sol e pela chuva.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

2 respostas para Nordeste

  1. patricia disse:

    ruivinha, lembrei das nossas depressões pós-férias e to passando uma agorinha, embora as ferias tenham sido curtas e meio mescladas com trabalho…com voce era mais fácil passar o dia arrastando correntes e assistindo as memórias dentro da cabeça…que coisa é a vida…saudades mortais dessa ruiva

  2. patricia disse:

    ah…essa poesia ta muito linda…cada imagem forte…amei.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s